A JUSTIÇA DE TOGA: UM ENSAIO INTERPRETATIVO DA OBRA DE RONALD DWORKIN SOBRE A INFLUÊNCIA DA MORAL NO DIREITO

Aleksandro Clemente

Resumo


Esta resenha analisa os principais tópicos da obra “A Justiça de Toga” de Ronald Dworkin, que
trata de como as convicções morais dos magistrados podem influenciar as decisões judiciais
proferidas pela corte. Essa é uma questão controvertida que o autor tenta responder em seu livro,
inclusive rebatendo argumentos de seus críticos, como os filósofos Isaiah Berlin e H. L. A. Hart.
O pensamento de Ronald Dworkin é atualmente muito estudado nos meios jurídico e acadêmico,
despertando muito interesse entre estudiosos e também por todos aqueles que, de uma forma ou
de outra, lidam com o direito e com as questões éticas e morais de nosso tempo.


Texto completo:

PDF (English)

Apontamentos

  • Não há apontamentos.